• 27/07/2015

    Acabe com suas dúvidas sobre Corrimento

    Toda mulher apresenta conteúdo vaginal. A diferença entre o normal e o corrimento está na alteração do volume, da cor e do odor.

    Normalmente, o conteúdo não tem odor específico e varia de mulher para mulher. A quantia muda com as fases do ciclo menstrual e as fases da vida. Na segunda metade do ciclo, o volume aumenta, podendo às vezes sujar as vestes íntimas.

    Na juventude, antes da primeira menstruação, e após a menopausa, o conteúdo é quase nulo por conta dos baixos níveis dos hormônios femininos no organismo. Na gravidez, no geral aumenta.

    Na maioria das vezes o corrimento é provocado por alterações do equilíbrio da flora vaginal. Algumas bactérias são próprias da vagina e fazem a defesa contra infecções. Quando em desequilíbrio causam aumento do volume do conteúdo, mudança na cor e odor, além de dor, coceira e ardor ao urinar.

    Para evitar o problema, higienize corretamente a área e com produtos sem perfume, prefira tecidos leves, adote uma dieta equilibrada, use preservativo e fique atenta a medicações que alteram o PH vaginal.

    Mas fique atenta, o corrimento também pode indicar problemas mais sérios. Qualquer alteração, evite a automedicação e procure o ginecologista.

    Leia também:

    Contorne a manhã das crianças

    O endocrinologista pode te ajudar na Menopausa